Vamos falar sobre: Pré-História

Pré-História é o período que corresponde ao surgimento do homem, aproximadamente 3 milhões de anos a.C., até o aparecimento da escrita, em 3.500 a.C. A historiografia recente critica o termo “pré-história”, pois considera “História” toda a produção humana, desde o surgimento até os dias de hoje.

A importância de estudarmos esse período é compreender como o homem se adaptou ao meio ambiente logo após o seu aparecimento e de que forma passou a explorá-lo e dominá-lo para atender aos seus interesses. A produção artística desse período expressa os temores e desejos dos homens das cavernas.

As pedras eram utilizadas pelos grupos humanos do Paleolítico.

Períodos da Pré-História

Paleolítico (3 milhões a 10 mil a.C.)

É o primeiro período da Pré-História. Os grupos humanos caçavam animais de pequeno porte, pescavam peixes dos rios e coletavam frutas da natureza por onde passavam. Eram povos nômades, ou seja, estavam em constante deslocamento, e eram vulneráveis a ataques de animais ou outros grupos inimigos e das intempéries da natureza, como chuva e frio. Esse período é conhecido também como Pedra Lascada, pois os homens usavam as pedras para fabricação de objetos de uso diário, como lanças.

No final do Paleolítico, o homem descobriu o fogo por meio da faísca produzida no lascar das pedras. Com a descoberta e o controle do fogo, o homem pré-histórico pôde utilizá-lo para:

  • assar a carne dos animais abatidos em caça;
  • aquecer-se do frio;
  • espantar animais;
  • iluminar as cavernas durante a noite ou enquanto se deslocava para outras regiões.

Mesolítico (13 mil a 9 mil a.C.)

O Mesolítico é marcado pela transição entre o Paleolítico e o Neolítico. Ocorreu principalmente na Ásia e na África, onde as glaciações eram mais intensas. Os grupos humanos desenvolveram a cerâmica e o tecido.

Neolítico (10 mil a 3 mil a.C.)

Esse período é o de maior desenvolvimento da Pré-História. Alguns historiadores chamam-no, inclusive, de Revolução Neolítica. Os grupos humanos iniciaram a prática da agricultura e se tornaram sedentários, ou seja, fixaram-se em um único lugar para morar. Com o desenvolvimento da agricultura, houve aumento da população, surgindo as primeiras comunidades. Animais de pequeno porte foram domesticados para auxiliar no plantio e na colheita, bem como em pequenos afazeres domésticos.

Com o êxito da produção agrícola, cresceu a confecção de vasos de cerâmica e cestos de palha para armazenar a colheita excedente, possibilitando o seu consumo para o futuro. Quanto maior a lida na terra, mais os homens aprendiam técnicas para aumentar a produção. No final do período, os grupos humanos usaram metais para a confecção de armas mais potentes para se defender e atacar grupos inimigos ou animais de grande porte.

Arte da Pré-História

A arte na Pré-História, ou arte rupestre, surgiu no final do Paleolítico. A descoberta do fogo possibilitou a iluminação do interior das cavernas, e os grupos humanos desenhavam nas paredes dessas cavernas os animais que abatiam durante o dia ou aqueles que desejavam abater no futuro. Além disso, essa arte contém os primeiros registros dos ritos religiosos e é uma das principais fontes históricas sobre a Pré-História.

A arte rupestre foi feita nas paredes das cavernas e configura as primeiras produções artísticas da humanidade. [2]

Trabalho na Pré-História

Nessa primeira fase da vida humana, observa-se a primeira divisão do trabalho. Os homens ficavam a cargo da caça de animais e da pesca de peixes, enquanto as mulheres cuidavam dos afazeres domésticos e da colheita de folhas e frutos. De acordo com o materialismo histórico dialético, o modo de produção primitivo corresponde ao período da Pré-História em que os grupos humanos trabalhavam em conjunto, a propriedade era coletiva e tudo o que era produzido dividia-se entre os integrantes dos grupos de forma igual, satisfazendo as necessidades naturais, como fome, frio e sede. Ainda não existia a exploração do homem pelo homem.

Pré-História no Brasil

As tribos indígenas que os portugueses encontraram em território brasileiro em 1500 já habitavam o Brasil há muito tempo. O estudo da Pré-História brasileira se volta para o período anterior à chegada de Pedro Álvares Cabral. Esse período é chamado também de Pré-cabralino. Os primeiros grupos humanos chegaram ao Brasil há 12 mil anos e são oriundos dos povos pré-históricos que vieram do Hemisfério Norte.

Há 3,2 milhões de anos, os grupos humanos que estavam na Ásia atravessaram o Estreito de Bering, que estava congelado, em direção ao continente americano, fugindo do forte frio. Esses grupos se espalharam pela América em busca de melhores condições climáticas e de ambiente.

Resumo sobre a Pré-História

  • Pré-História é o período que corresponde ao aparecimento do homem até o surgimento da escrita.
  • Períodos da Pré-História: Paleolítico, Mesolítico e Neolítico.
  • Descobertas: fogo, agricultura, metais.

Fonte: preparaenem.com

ÚLTIMAS DO BLOG​